Indústria Nacional – Uma Nova Esperança

Olá gurizada,

Os leitores mais antigos sabem que não é muito comum postarmos notícias aqui no blog, até porque o AoJ é, e sempre será, um site sobre desenvolvimento de games. Porém, achei mais do que conveniente compartilhar com vocês duas matérias que li recentemente esta semana.

A primeira informação estaria relacionada ao mercado nacional e direcionada aos gamers. A partir do dia 5 de outubro, o X-Box 360 será vendido aqui no país por R$ 799,00. A façanha foi possível graças – não a uma sonhada redução de impostos, mas sim a uma aposta audaciosa, e solitária, da Microsoft. A empresa passou a fabricar o seu console em Manaus para atender o público tupiniquim. Com este movimento, os games também sofrerão uma queda de preço, ficando entre R$ 69,00 e R$ 129,00 (lançamento).

Pois é, quem diria que o primeiro movimento neste sentido viria da empresa de Bill Gates. Mas, você deve estar se perguntando, apesar de ser uma ótima notícia, qual seria a relação com o desenvolvimento de games. Bom meu querido leitor, a relação é total. Com o mercado nacional crescendo, as lentes da indústria mundial começam a enxergar o potencial do maior país da América do Sul. Uma empresa trás a outra. Sony e Nintendo não podem simplesmente deixar a Microsoft reinar absoluta, sendo obrigadas a fazer também um movimento para conquistar a sua fatia de mercado. Todas as três são também desenvolvedoras, possuindo um grande leque de empresas coligadas. Sendo assim, é mais do que natural fomentarem o desenvolvimento de jogos aqui no país. Isso tanto é verdade que os primeiros movimentos já começaram.

No dia 27/09, foi anunciado um novo programa do governo com recursos e incentivos para jovens empresas de games nacionais. Através do Ministério da Ciência e Tecnologia, o programa irá oferecer 5 milhões de investimento para novos projetos, e já conta com o apoio da Microsoft – que também deve repassar um incentivo, mas ainda não divulgou quanto. Sony e Nintendo já se mostraram interessadas e devem também participar até o lançamento do programa em 2012. As três estão interessadíssimas em repassar os seus Kits de desenvolvimento. Até porque elas sabem que o brasileiro tem potencial para criar games criativos e inovadores.

Particularmente, fiquei bastante motivado com as notícias. Considero as mudanças um divisor de águas para a nossa indústria. Temos um nova esperança, agora basta estarmos preparados para aproveitar as oportunidades, não acham?

Até a próxima ;)

fontes: economia IG e Diário ABC

Autor: Everton Vieira Ver todos os posts de
Sou Bacharel em Análise de Sistemas pela Universidade Católica de Pelotas (UCPel) no ano de 1999. Minha paixão por games é de longa data. Porém, em 2003 tornei essa paixão uma profissão. Durante oito anos atuei como Game Designer e Arquiteto de Software em mais de 30 projetos de Serious Games (simuladores) para grandes empresas do país. Atualmente sou sócio-fundador da Izyplay Game Studio, onde exerço o cargo de Diretor de Criação. Além do envolvimento corporativo, também participei da organização da Pós Graduação em Arquitetura e Desenvolvimento de Jogos Digitais na FATEC SENAC Pelotas. Minha área de interesse e especialização é Game Design e Inteligência Artificial.

3 Comentários em "Indústria Nacional – Uma Nova Esperança"

  1. Bruno Rafante 01/10/2011 at 18:20 - Reply

    Puxa, incrível! É a oportunidade de ouro para jovens desenvolvedores. Procurei me informar a respeito de todas as formas, mas não cheguei ainda a uma resposta de como obter algum investimento. Me parece que em 2009 foi realizado uma espécie de concurso pelo ministério da cultura se não me engano chamado BRGames em que as melhores idéias (de pessoas físicas e jurídicas) eram selecionadas para apresentarem um projeto para ser realizado em 180 dias e eram selecionados 7 pessoas fisicas e 3 ou 4 jurídicas que ganhavam um investimento de 70 (pessoa física) ou 140 (pessoa jurídica) mil para desenvolverem seus projetos. Será que vão promover algo assim novamente?

  2. Leandro Vian 07/10/2011 at 11:00 - Reply

    Realmente nos últimos tempos a onda de notícias sobre o assunto é animadora, fico feliz que isso ajude no desenvolvimento de novas empresas e no crescimento das atuais, afinal tudo leva a mais vagas pra quem quer trabalhar na indústria. ;)

Deixar um Comentário